LÍNGUA

PLÁ SÃ #7

O calículo gustatório ou botão gustatório, já comentado aqui no blog em outro post, possui células basais que podem ser encontradas na periferia. Essas células tem a função de regenerar outro tipo de células, que são as receptoras gustatórias. Ao consumir uma bebida muito quente ocorre a lesão dessas células. Porém,  cada célula receptora gustatória possui uma vida de mais ou menos 10 dias, ou seja, entre esse intervalo de tempo as células receptoras gustatórias lesionadas são regeneradas através das células basais e o individuo não sente mais o incomodo de queimação na língua, plá sã.

PORQUE O MAPA DOS GOSTOS DA LÍNGUA É UM MITO?

PlÁ Sã #1

Muitas pessoas aprenderam na escola ou ouviram falar que a língua possui regiões especificas para cada sabor, como por exemplo, a ponta da língua identifica sabores doces e o final, sabores amargos. Porém, essa informação não é verdade.

A língua possui pequenas elevações em sua superfície, chamada de papilas. As papilas filiformes não possuem receptores para os gostos, mas possuem receptores táteis que ajuda na movimentação do alimento na boca durante a mastigação dos alimentos. As papilas circunvaladas e fungiformes possuem os botões gustatórios (a circunvalada muito mais).

Os “botões” gustatórios presentes na língua identificam os 5 gosto básicos que são, doce, amargo, azedo, salgado e umami (gosto básico associado ao glutamato e aminoácidos que realça o sabor dos alimentos). Também são formados por células receptoras gustatórias que possuem pouco tempo de vida, células de sustentação e células basais que dará origem a células de sustentação e posteriormente a células receptoras gustatórias. Por isso, quando queimamos a língua com bebidas quentes, rapidamente a superfície queimada se regenera.

Por fim, cada botão gustatório que está espalhado na língua possui células receptoras gustatórias especificas para os cincos gostos básico, ou seja, toda a superfície da língua é sensível a todos os gostos e não apenas uma área especifica, plá sã.